Vida e obra do pastor Ramão Moreira, um servo de Deus

por jul 21, 2014Notícias0 Comentários

 

Pastor Ramão Borba Moreira não está mais entre nós, o Senhor o levou no dia 26 de junho após um longo período de enfermidade. Nascido em Ponta Porã no ano de 1962, pastor Ramão faria 52 anos de idade no próximo dia 1 de novembro. Deixa a esposa Maria Concepcion e os filhos Natallie e Reinaldo.

Pastor Ramão Borba faleceu em São Paulo onde estava internado para tratamento; seu funeral e sepultamento ocorreram em Campo Grande no dia 27 de junho/14 no cemitério Parque das Palmeiras, onde ocorreram todas as homenagens dos batistas a um servo de Deus que cumpriu fielmente sua missão aqui na terra.


Vida de servo

Pastor Ramão Borba Moreira concluiu seu curso de Teologia em 1999 no Seminário Teológico Batista do Oeste do Brasil, recebendo a ordenação ao ministério no dia 15 de novembro de 1999 em culto solene na IB Renovo, bairro José Abrão em Campo Grande.

Ele pastoreou a IB Renovo durante 11 anos, realizando um trabalho abençoado pelas dádivas do Pai. Foi nessa mesma igreja que no dia 25 de novembro de 2009 foi realizado o culto solene de posse do pastor Ramão como Ministro de Relacionamento e Expansão da Convenção Batista Sul-Mato-Grossense (CBSM).

Durante cerca de 2 anos pastor Ramão atuou nesse cargo junto à CBSM, visitando igrejas e expandido o trabalho batista pelo interior do Estado de Mato Grosso do Sul, aproximando pastores e igrejas do projeto implantado pela Convenção. Em outubro de 2011 pastor Ramão deixou de atuar porque sua doença o impedia de realizar o trabalho que ele tanto amava.

Deus o chamou, mas sua obra ficará indelevelmente marcada entre os batistas de Mato Grosso do Sul.


A Associação das Igrejas Batistas do Pantanal (ASSIBAP) externa neste momento o sentimento de tristeza e alegria pela notícia da partida do Pr. Ramão Borba para os braços do seu Senhor.

Estamos tristes pelo fato de sabermos que a sua presença não está mais entre nós e também não mais receberemos o seu afeto e orientações vindas do Senhor, com as quais o amado ministro nos transmitiu, ajudando no desenvolvimento e expansão do Reino de Deus em nossa região pantaneira.

Alegres estamos, pois acreditamos que aquele que o convocou ficou satisfeito, mesmo que por pouco tempo no cumprimento da missão para a qual foi chamado aqui na terra.

“Combati o bom combate, acabei a carreira, guardei a fé. Desde agora, a coroa da justiça me está guardada, a qual o Senhor, justo juiz, me dará naquele dia; a não somente a mim, mas a todos os que amarem a sua vinda”. ( 2 Timóteo 4: 7,8)

Nossas condolências aos seus familiares e irmãos em Cristo Jesus, o Nosso Senhor e suficiente Salvador.

Anderson Solano

Anderson Solano

Publicitário, chefe do departamento de comunicação social e gestor de TI.

0 comentários

Enviar um comentário

Posts Recentes