Retrospectiva dos últimos 3 anos da CBSM

por ago 24, 2012Notícias0 Comentários


De lá para cá: uma retrospectiva dos últimos três anos da CBSM (parte final)

“Isto se escreverá para a geração futura; e o povo que se criar louvará ao Senhor” (Salmos 102.18)

Mara Sílvia de Almeida Costa

Coisas extraordinárias Deus tem feito em nosso meio nos últimos anos. Grandes avanços e grandes obras realizadas que não podem ser esquecidas. Mas que precisam permanecer vivas em nossas memórias, levando-nos a um sentimento de permanente gratidão e confiança de que muito mais o Senhor ainda fará, na força do seu poder.

Missão Global

A área de Missões de nossa Convenção foi a que experimentou maior avanço nos últimos três anos, demonstrando que há 100 anos o foco do trabalho batista no estado continua o mesmo.

A nova metodologia de arrecadação de ofertas missionárias, denominada Missão Global, já provou que é mais eficaz do que as campanhas trimestrais tradicionalmente realizadas pelos batistas. Como resultado, nos últimos dois anos, não somente alcançamos, mas também ultrapassamos os alvos propostos para Missões Estaduais, o que não ocorria há dez anos em nossa Convenção.


Nova filosofia missionária

Os nossos missionários também estão recebendo mais cuidado e apoio, em todos os aspectos, e especialmente através do Plano de Sustento e Prebenda.


Ensino Teológico

Em 2010 foi criada a Faculdade Teológica Batista Sul-Mato-Grossense, por meio do convênio celebrado entre a Convenção e o Conselho de Educação da Associação das Igrejas Batistas do Sul de Mato Grosso do Sul – Assibas.

Hoje investimos 20% das entradas do Plano Cooperativo na educação teológica, apoiando também a Faculdade Teológica Batista Ana Wollerman. Portanto, o futuro do ensino teológico no Mato Grosso do Sul está garantido.


Dívidas zeradas

O que mais nos preocupava nos últimos anos eram os saldos a quitar junto à Prefeitura Municipal, de mais de 880 mil reais, e junto ao INSS, de mais de 150 mil. Achávamos que eram dívidas impagáveis e que isso iria atingir e dilapidar todo o patrimônio da Convenção, porque cresciam geometricamente.

Contudo, por um verdadeiro milagre de Deus, com a venda de um terreno muito acima do valor previsto, toda a dívida junto à Prefeitura foi saldada, no final de 2009.

No final do ano passado, o débito junto ao INSS, que estava parcelado em 60 meses, e do qual a CBSM havia saldado apenas cinco parcelas, também foi totalmente quitado. Hoje podemos afirmar que a dívida é zero na CBSM, pela graça de Deus!

Ao garantir a memória das vitórias que Deus nos dá, construímos altares de adoração e fortalecendo a nossa dependência e confiança no Senhor.
Portanto, que venham os próximos desafios! Iremos enfrentar e vencê-los na força do Seu poder!

Anderson Solano

Anderson Solano

Publicitário, chefe do departamento de comunicação social e gestor de TI.

0 comentários

Enviar um comentário

Posts Recentes

× Como posso te ajudar?