O Brasil precisa de conscientização e sensibilidade

por jun 16, 2013Notícias0 Comentários


CONSCIENTIZAÇÃO
Neemias orou: “Ó Senhor, que estejam atentos os teus ouvidos à oração do teu servo…”

Estamos conscientes do mundo em que vivemos? O que estamos fazendo para evitar o pior?
Pastor Ronaldo Batista Leite, da PIB de Campo Grande, usou o texto de Neemias 1 para alertar os mensageiros da existência de “muros” que precisam ser reconstruídos nas cidades do Mato Grosso do Sul.

Neemias definiu claramente o tempo e o local dos acontecimentos narrados, a desobediência do povo de Deus e as consequências do pecado e da apostasia. Mas Neemias, sabendo do triste estado de Jerusalém, ora a Deus.

“Preocupado com seu povo, Neemias foi sensível”, disse pastor Ronaldo. No versículo três do primeiro capítulo, um relato dramático a respeito da situação dos judeus que haviam escapado do cativeiro: “… os restantes que ficaram do cativeiro, lá na província estão em grande aflição e opróbrio; também está derribado o muro de Jerusalém, e as suas portas queimadas a fogo”.

Na sequência, no versículo quatro, Neemias demonstra sua preocupação com essa lamentável situação: “Tendo eu ouvido estas palavras, sentei-me e chorei, e lamentei por alguns dias; e continuei a jejuar e orar perante o Deus do céu”.


RECOMPOR VALORES

Pastor Ronaldo usou o relato da preocupação de Neemias para com a situação dramática dos judeus e sua tomada de decisão, orando a Deus por uma solução, para definir como deve ser a postura da Igreja nesse processo de conscientização quanto aos perigos que o mundo apresenta para as famílias, as artimanhas que o inimigo apresenta para desarticular os lares, principalmente no Brasil.

“Vamos nos reposicionar para recompor os valores da sociedade, como Neemias, vamos partir para a reconstrução com atitude”, enfatizou pastor Ronaldo quanto à forma de contra-ataque que os cristãos devem adotar para vencer as novidades que diariamente são apresentadas às famílias brasileiras.

Usando a estratégia de conscientizar com sensibilidade, devemos interceder, com lágrimas,  constantemente pelo nosso povo, pelo país e pelas autoridades brasileiras para que o valor da vida e da família seja reconduzido ao seu verdadeiro lugar.

Comunicação Social
CBSM

Anderson Solano

Anderson Solano

Publicitário, chefe do departamento de comunicação social e gestor de TI.

0 comentários

Enviar um comentário

Posts Recentes