Caiuás em Amambai ganham novo templo

por set 25, 2010Notícias0 Comentários

Um presente de Deus entre os Índios Caiuás em Amambai

Inauguração do templo

Há cerca de três anos, Deus falou muito comigo num sonho, em que pude compreender a preocupação de Deus com a vida de nossa igreja, a Batista Central em Amambai, que naquele momento caminhava para o seu 62º aniversário e ainda não tinha um trabalho na Aldeia Amambai. Entrei em contato com uma irmã de nossa igreja, Prof. Eloize, que hoje mora em Santa Catarina, para identificar uma família não crente, que desejasse um estudo bíblico semanal em sua casa. Numa clara confirmação de Deus, no dia seguinte ao de nossa conversa, ela havia identificado a família do então nosso irmão em Cristo, o índio Miro Durán. Assim começamos na casa dele os estudos, apenas com sua família. Isso foi no início de 2008 e, naquele mesmo ano, batizamos os primeiros cinco irmãos indígenas de nossa igreja. Foi um momento de muita alegria e emoção para todos nós.


Família da etnia Caiuá, membros da missão

Rapidamente, novas pessoas foram chegando às reuniões que aconteciam aos sábados à tarde, e depois mudamos para domingo pela manhã. No inicio deste ano de 2010, já estávamos com um grupo de 18 adultos e 30 crianças, havendo assim a necessidade de mais gente trabalhando naquele lugar. Com o apoio da Assibas e a coordenação do Ministério de Missões da nossa igreja, sob a liderança do irmão Marcelo Pareja, começamos um trabalho com mais envolvimento com as crianças, e contamos com o trabalho de amor dos irmãos Jean Paulo e sua noiva, irmã Paula Lovatto, o casal Sérgio e Margarete, e o irmão Nilton, que faz o trabalho de evangelista entre os adultos.

No mês de maio/10, fomos procurados pelo Pr. Walter Ponder para a construção no local de uma capela pelos irmãos norte-americanos; foi uma explosão de alegria e a confirmação plena de Deus quanto à realização do nosso trabalho ali.

Os irmãos chegaram aqui no dia 6-8, e concluíram a obra no dia 12-8. Na inauguração, como que um banquete espiritual, tivemos 37 conversões, um fechamento tremendo da obra de Deus neste lugar. Ainda para constar, no primeiro domingo após a inauguração, no dia 15-8, lá estavam 69 adultos e 40 crianças. Não é maravilhoso?

Mas temos também a consciência de que a partir de agora o trabalho só tende a aumentar, e para isso necessitamos das orações dos irmãos, para que se cumpram a cada dia todos os planos de Deus para essa comunidade, que tanto carece do amor e da salvação de Cristo Jesus.

Pr. Walnier Wagner de Araújo Costa
Pastor titular da Igreja Batista Central em Amambai

Administrador

Administrador

0 comentários

Enviar um comentário

Posts Recentes

× Como posso te ajudar?